Amor Virtual... Até Que Ponto Real?

Eu estava só, triste e desiludida, navegava perdida na rede...
Você me encontrou ferida, machucada, como bálsamo curou minhas feridas, cicatrizou, como lenitivo o teu amor...
Passamos a nos falar, e passamos a fazer parte um do outro cada dia mais forte, mais dependente... Uma entrega uma certeza...
E o amor nasceu forte, impetuoso, implacável paixão...
Inexorável desejo de amor... sede do outro.
O amor ultrapassou a tela e ganhou dimensões reais e trocamos telefone...
Sua voz, ratificando cada palavra escrita, Deus!!!!
Será que o amor me encontrou finalmente? E vindo de lugar mais improvável? 
É madrugada o celular toca... Do outro lado tua voz, doce sensual sussurrando coisas de amor ao meu ouvido, quase pude sentir o cheiro e o gosto do teu desejo atrelado ao meu nas ondas que nos permite encurtar a distância e tua voz me invadiu inteira, cada centímetro do meu corpo podia sentir teu toque e fizemos amor, em palavras em pensamentos e desejo e paixão devassa... Incontestável,de uma verdade absoluta, arrogante, indestrutível.
Meu amor virtual, tão real, tão distante no entanto tão próximo. Inacessível porem disponível... Irreal e quase palpável. Meu amor virtual, loucura ou fantasia? Não sei, se é sonho... Obrigada não quero acordar a realidade é insuportável. Que as ondas eletromagnéticas e fibras ópticas continuem a me invadir e seduzir e amar, virtual ou real.Isso depende de como sentir e ...
Um texto de Lara Fontanna.

0 comentários :

Postar um comentário

Olá, este é um sonho estou lutando muito para torná-lo uma realidade. Dê sua opinião, critique de forma construtiva.
Obrigada, um abraço indelével.
Carinhosamente Ahtange.