A chuva em mim.....

É fim de tarde, quase noite senti uma leve brisa a tocar-me o rosto o corpo.
Absorta em minhas lembranças de ti  de nós... Nem percebi que chovia, saí na varanda o vento parecia dançar para mim... As folhas das plantas do jardim se agitavam, observei algumas flores que pareciam sorrir para mim a cada gota de chuva que caia sobre elas como um beijo de amor, de saudade.
Senti um calor gostoso me envolver como um abraço, terno carinhoso, senti no ar o teu perfume...
Então entendi, era você meu amor a abraçar-me e a beijar-me em tua saudade que misturada a minha produzia a chuva... Saí levantei e olhei  pro céu e deixei que minhas lágrimas se misturassem as gotas que caiam no meu rosto....
Não senti frio, um calor envolvia meu corpo, eu sei e sinto que era você meu anjo...
Gritei teu nome, a chuva intensificou o vento soprou com mais força... A chuva que ficou em mim é a mesma que nos une e que nos completa e nos reaproxima no misterioso mundo da saudade...
Como dizias_ Quero-te além da vida. E além da vida hei de te amar e te encontrar para nunca mais te perder... Sempre e pra sempre tua flor do Brasil.
Ahtange

1 comentários :

  1. Espero estar gostando do meu livro.
    Um beijo e uma ótima semana para você.

    ResponderExcluir

Olá, este é um sonho estou lutando muito para torná-lo uma realidade. Dê sua opinião, critique de forma construtiva.
Obrigada, um abraço indelével.
Carinhosamente Ahtange.