Meu existir sem você...

Nostalgia...
Letargia...
Agonia....
Sinto como se me faltasse o ar, por me faltar você...
97 dias sem ti, sem tua presença, sem teu amor...
Quão difíceis me tem sido esses dias, nos quais vivo sem viver, sem querer, sem poder te esquecer ou de volta te ter...
A vida segue e com ela arrasta meu existir, que sem ti, são apenas dias passados, sem alegria, sem vida.
Pois falta em mim teu sorriso, tua presença constante, teu carinho, teu amor que me fazia sentir única no mundo, especial. Eu não era para ti mulher apenas, era joia, rainha, deusa, tua flor, para quem dedicava teus dias regando com amor e esperança, dizias que era muito mais que uma promessa de amor...



Agora sem ti, já não sei quem sou...
Rainha sem reino...
Deusa despojada de poder...
Joia atirada ao fundo do mar, perdida pra sempre...
Flor... Em meio ao deserto,  que castigada pelo sol da saudade e pelo vento do esquecimento, murcha a cada entardecer sem o teu cuidado.
Perdendo o perfume a beleza, pétalas arrancadas pela tristeza sem fim.
Saudades meu anjo, ainda que devastada pela dor, ainda assim serei pra sempre tua flor do Brasil.
 Pra sempre.... Tua flor.
  

3 comentários :

  1. Querida que lindo, sei o que esta sentido neste momento, mas só o tempo para acalmar seu coracao, tempo este que se torna carrasco das nossas lembranças, mas nao feche a porta para o amor.
    Com todo o meu carinho.
    Evany.

    ResponderExcluir
  2. Como a Vani bem disse, só o tempo e a disposição do nosso interior de superar a perda, fará vc passar por esse momento minha linda amiga!
    Deus seja contigo e conte comigo.
    bjs
    Dri

    ResponderExcluir
  3. Oi Evany, Dri, só mesmo o tempo para amenizar a dor. Tem sido complicado pois ainda não consigo aceitar ou me conformar.
    Bjos amigas muito obrigada pelo carinho, tem sido reconfortante dividir com vocês esses momentos tao importantes para mim.

    ResponderExcluir

Olá, este é um sonho estou lutando muito para torná-lo uma realidade. Dê sua opinião, critique de forma construtiva.
Obrigada, um abraço indelével.
Carinhosamente Ahtange.