Confissões...




Confissões....
Eu já dormia, dia agitado emoções, saudades, falta, vazio...
Do outro lado tua voz.... Surpresa não esperava.
Em meio a conversa revelações, confissões....
De um tempo perdido, coração doido,magoado...
Você me deixou, em outros braços me entregou frágil, indefesa, só, ferida, machucada.... Por outro amor fui curada, renasci pra vida, uma nova e linda vida repleta de sonhos e possibilidades... Sob uma ótica que eu não conhecia. Mergulhei, me entreguei de corpo e alma sem medo... Por um tempo fui feliz como nunca antes sonhei ser... Mas durou tão pouco a tal felicidade, me deixou ferida ainda maior e desta vez incurável... Ai você vem e me diz, ainda guardo na boca o gosto dos teus beijos, teu copo jamais esqueci...
Mas para outro amor viveverei... Um amor do passado talvez.
Me reporto ao tal passado e a ferida superficialmente cicatrizada pulsa por sobre a pele fina...
Ah... Confissões, crueis, que me fazem fechar definitivamente o coração para o tal "AMOR".

Ahtange

0 comentários :

Postar um comentário

Olá, este é um sonho estou lutando muito para torná-lo uma realidade. Dê sua opinião, critique de forma construtiva.
Obrigada, um abraço indelével.
Carinhosamente Ahtange.