Instantes de mim... Inconstantes... Inconcisos...

As vezes entregamos nossas vidas em mãos ásperas, arrogantes...
Maliciosas...
Nosso olhar embaçado pela magia do amor, nos cega para a realidade e passamos a viver de sonhos...
Ah... Ilusão.... Doce veneno que nos consome as entranhas e nos arremessa do precipício da realidade. E quando percebemos no fundo do abismo nossa vida fragmentada... Destruída, a magia acaba... E acordamos em meio a um pesadelo... Que  nos tira o sono, o chão, a paz....
Esperança... Quando a perdemos um rio de angústia nos envolve a alma e perdemos o norte,o farol apaga e o mar fica revolto... Ate que nova embarcação nos resgate e um novo farol acenda na noite escura de tempestades e gemidos levados pelo vento.... E novo naufrágio... E tudo de novo... E sempre... Maldito e infindável ciclo... De vida e morte e vida...
Ahtange

0 comentários :

Postar um comentário

Olá, este é um sonho estou lutando muito para torná-lo uma realidade. Dê sua opinião, critique de forma construtiva.
Obrigada, um abraço indelével.
Carinhosamente Ahtange.