20 janeiro 2012

Instantes de mim...

Me acorda...
Me sacode e trás minha alma para a superfície...
Grito... E só ouço o eco dos meus soluços.
Dói o silêncio a mim imposto pelo destino.
Custa-me aceitar... Quero acordar fugir...
Para onde?
Em todo o universo não há lugar onde eu possa me refugiar.
Do que eu quero fugir... Está dentro, impregnado em mim e dói até respirar.
Quero acordar... Sair de mim.
Ahtange 

2 comentários:

  1. Olá,
    passei para conhecer o seu blog,
    adorei aqui,
    beijos

    ResponderExcluir
  2. Obrigada pela visita me deixa muito feliz.
    Espero que volte sempre bjos!

    ResponderExcluir

Olá, este é um sonho estou lutando muito para torná-lo uma realidade. Dê sua opinião, critique de forma construtiva.
Obrigada, um abraço indelével.
Carinhosamente Ahtange.

Dando notícias...

Olá, meus queridos(as). Faz tempo que não ando por estes lados, muita coisa acontecendo ao mesmo tempo, mas estamos trazendo novidades, ...