Instantes de mim...


Chuva... Começa a cair...
 Da janela do meu quarto sinto o vento frio...
O cheiro de terra molhada... Que me trás...
Saudade... Medo... Incerteza...
Chuva que vem e sussurra ao ouvido.
O barulho no telhado, o bater forte do coração...
A cada lembrança... Cheiro... Som...
Observo no jardim o leve balançar das folhas ao contato das gotas que caem sem parar...
Me perco outra vez... No frio, no vento, no vazio...Na chuva que ficou em mim.
Ahtange

2 comentários :

  1. Oi Ahtange, :)

    Sabe, as vezes realmente acho que a chuva tem propriedades magicas que nos proporcionam um momento de reflexão... parece que é mais fácil quando a tempestade é do lado de fora ;)

    Lindo post, estou me apaixonando pelo seu blog, deu pra perceber né? *-*

    ~> Beijusss...;*

    ResponderExcluir
  2. disse...
    Oi lindinha tão bom saber.
    Amo cada vez que venho e encontro um carinho isso é lenitivo para alma.
    Muito obrigada... E a chuva tem particularmente um fascínio sobre mim.
    Venha sempre viu?

    ResponderExcluir

Olá, este é um sonho estou lutando muito para torná-lo uma realidade. Dê sua opinião, critique de forma construtiva.
Obrigada, um abraço indelével.
Carinhosamente Ahtange.