Valorizando o Nacional....


Somos OS FILHOS DO TEMPO e de muitos açoites em busca de reconhecimento e um lugar ao sol. Partimos em busca desse sonho, nos unindo e promovendo no meio literário ENCONTROS PARA LIBERDADE. Muitas paradas. Nãos! Choro... Mas sem jamais desistir, seguimos na caminhada.
Em ALMAKIA, descobrimos O SEGREDO DE ESPLENDORA que num PRELUDE de poderes sobrenaturais e revelações feitas em um ENCONTRO NA NOITEO GRANDE PAJÉ, em meio a REGÊNCIA DE OSSOS, nos fez sentir o gosto AGRIDOCE dos anseios d’A ÚLTIMA DAMA DE FOGO, que perdida grita: - SOCORRO, MEU PRÍNCIPE VIROU SAPO.
Envolta n’OITAVO PECADO, em meio a sua própria dor, não desvenda O SEGREDO DOS GIRASSÓIS, triste, acaba RETORNANDO AO VALE AZUL, e depara-se com MARINA E OS TESOUROS DA TRIBO DE DANA, agora entregue a DEVOYA PRINCESA COM OLHOS DE GATO, uma lind’A RAINHA DA FLORESTA que perdia-se horas APANHANDO AMORAS entre sabores, PIMENTA E CEREJA: DOCE AMOR, sonhando ter encontrado O PRÍNCIPE DA PAZ.
Nesse mesmo sonho, entre BEIJOS E BATOMCARMELA E LORENZO DEPOIS DO PRIMEIRO BEIJO, tornaram-se ALMAS SELADAS e nas asas do AMOR, maybe foram levados para O REINO DE MIRA, onde FELIPE CATERLUCI E O LIVRO DOS DESEJOS revelam CARTAS DE AMOR nas quais TALLEK descobre que não somos os únicos, muitos novos autores lutam nesta caminhada. Agora seremos colocados à prova. Enfim, cumpre-se A PROFECIA DE HEDHENANTES TARDE QUE MAIS TARDE. Já era mesmo impossível manter O SEGREDO DE EVA tendo por guardiãs OS DEUSES DO MAR. Este, descrito em letras douradas que saltavam aos nossos olhos, como O ENTREGADOR DE BONECOSque ao ver tudo acontecer não sentiu medo sem mesmo lembrar que O ANIVERSÁRIO deixou MARCAS INDELÉVEIS devidamente registradas.
Encontramos O DIÁRIO DE EMILY CRISTINE, cuja leitura tão profunda arranca a INOCENCE de cada um de nós ao ouvir um “- Não estamos analisando originais!” E nessas horas de angústia, sempre precisávamos pedir mais uma vez: - ANGELLORE, AQUEÇA MEU CORAÇÃO e me proporcione O VOO DA ESTIRPE!  Não esqueça jamais que ANTES DE VOCÊ CHEGAR, eu era ADQS, hoje, como MANNEQUIM ao DESPERTAR, me senti tal qual a PRINCESA DE GELO contemplando ao longe SUA ÚLTIMA FLOR. Senti em cada poro, se esvaindo o perfume da esperança, chorei!... E como desejei o SOL EM MINHA NOITE. MODO EDITORA”, DEIXE-ME LEMBRAR DE VOCÊ sempre, pois agora sentimos que somos DIGNOS DE AMOR e juntos vamos contemplar em cada livro lançado, em cada sonho realizado, BORBOLETAS NA PRIMAVERA.
Ahtange Ferreira.

0 comentários :

Postar um comentário

Olá, este é um sonho estou lutando muito para torná-lo uma realidade. Dê sua opinião, critique de forma construtiva.
Obrigada, um abraço indelével.
Carinhosamente Ahtange.