Instantes de mim


Não sou poetisa....
Porém, trago na alma matizes de devaneios...
Devaneios repletos de sonhos...
Sonhos que transbordam o limite da fantasia...
Fantasia que transforma meus suspiros e ais em palavras...
Palavras que não são mais capazes de expressar este meu querer...
Querer que sufoca meu ser com tua ausência...
Ausência, que me diz que sou tua, que te pertenço mesmo que por uma fração de segundo...
Segundo meu sentir...
Sentir teus dedos imprimindo em minha pele teu desejo, contido, reprimido, escondido aos olhos do mundo...
Mundo que criamos paralelo a tudo e a todos, onde nos é possível viver, sentir, querer, ainda que estranhamente, amar o impossível...
Que se torna possível na poesia que escreveste com os lábios na minha boca eternizadas no meu corpo que escorrem pelos dedos em páginas amareladas da minha saudade.
Ahtange Ferreira
26/10/2013 

3 comentários :

  1. Nossa que lindo Ahtange!
    Você tem um dom maravilhoso com as palavras.
    Bjs da Vi

    www.entreserenaoser.com.br

    ResponderExcluir
  2. Olá Vi, fico feliz que tenha gostado.
    Bjinhos mi amor.

    ResponderExcluir
  3. Passando e deixando um beijão..adorei Ahtange!

    ResponderExcluir

Olá, este é um sonho estou lutando muito para torná-lo uma realidade. Dê sua opinião, critique de forma construtiva.
Obrigada, um abraço indelével.
Carinhosamente Ahtange.