O QUE ANDO FAZENDO?

Olá meus queridos,
Eu sei ando ausente deste cantinho, tenho vivido tantas coisas e o meu trabalho toma quase todo o meu tempo. Porém estou ativa no mundo literário.
Apresento oficialmente meu novo romance que terá seu lançamento no dia 28 de agosto às 17: 00hs na Bienal de São Paulo. Rua i 699/ Modo Editora.
Sinopse:
Eduardo Martins, empresário bem sucedido no ramo da construção civil, ingressa no mundo da política e passa a envolver-se num perigoso jogo de interesses em meio a intrigas, corrupção e assassinato. Um amor nascido de um olhar. Um desejo que cresce na clandestinidade... Até explodir em dois corações. Um carente e solitário que já não esperava se apaixonar. O outro comprometido, porém arrebatado por um amor que o leva a cometer loucuras por alguns instantes. Eduardo se apaixona por Melissa Mackenzie, sua assessora, viúva de um político influente que fora brutalmente assassinado. O caso foi arquivado por falta de provas. No entanto, dentro do partido, paira um mistério. A quem interessaria a morte de Maciel Andrade Mackenzie? Clandestino Amor. O certo e o errado dependem do prisma de quem sente. Eduardo terá que escolher entre levar uma vida em um casamento de aparências e seguir, sufocado no peito, seu verdadeiro amor. Ou deixar tudo para trás e seguir seu coração? Escolha difícil num cenário que envolve posição social, dinheiro e poder.

Para apimentar em primeiríssima mão o prefácio.




“É egoísta, imoral, cruel - eu sei - mas ainda assim é amor”...
Esta não é só mais uma história de amor, mas uma forma de amor. E o que é o amor, se não dois corpos que acendem num desejo sôfrego que arde e não cessa nunca? Este é, particularmente, o tipo de relação vivida por Eduardo Martins e Melissa Mackenzie, protagonistas do romance policial Clandestino Amor.  Um jovem político atraente que, nos dilemas de sua vida pessoal, rende-se aos encantos da doce e romântica Mel.
Histórias de amor do tipo clandestinas não são como as outras. Pode ser o céu ou o inferno de quem se atreve a vivenciá-las. Amores clandestinos são bandidos, precários, furtivos e provavelmente transitórios, mas ainda assim, podem ser amor.  É desta forma que Ahtange Ferreira desenha o envolvimento entre seus personagens.  A antagonista e lunática Liz, esposa traída, que tenta manter seu casamento a qualquer custo, não por amor, mas para satisfazer seu ego e suas ambições, é a máxima representação do desequilíbrio emocional e da falta de amor e harmonia que também permeia as relações “socialmente aceitáveis”. O casamento de Lizandra e Eduardo é só mais uma prova de que nem sempre a outra é, de fato, o motivo de um rompimento definitivo. Muitos casamentos já estão em ruínas bem antes de um dos parceiros se entregar à clandestinidade de uma relação. Sua aproximação do inescrupuloso Rogério não só consagra sua personalidade doentia, como também mostra ao leitor as inúmeras facetas que podem envolver a sustentação de algumas relações.
O ponto central do romance de Ahtange Ferreira é mostrar que o moralmente aceitável, algumas vezes, pode se tornar tão imoral a ponto de comprometer a integridade física e emocional de outras pessoas.  Em sua narrativa ela instiga: Devemos dar uma chance ao amor, ou rejeitá-lo dependendo das circunstâncias em que ele se manifeste para nós? Existe amor real e sincero em um relacionamento como o de Mel e Edu, ou será apenas a confusão de um forte desejo carnal? Estas questões podem ser melhores analisadas na relação estabelecida mais adiante entre Vasques e Melissa. Apesar de nutrir um forte sentimento pelo advogado, a jovem Mel não consegue amá-lo com a mesma intensidade com que ama Edu. E então ela se posiciona: a quem devo amar? O amor é uma escolha? Mais uma vez razão e emoção aparecem para dividir um personagem que, tem muito em comum com muitas pessoas que vivem por aí.
Além de nos conduzir romanticamente a uma reflexão sobre os padrões morais de relacionamentos, Ahtange Ferreira também aguça a imaginação e o desejo sexual do leitor através das cenas de sexo ousadas entre seus personagens. A maturidade sexual de sua protagonista, Melissa Mackenzie, é percebida na forma despudorada com que ela se entrega a seu amante Eduardo Martins. Mel é uma mulher segura de si e de seus desejos, embora figurar como amante, algumas vezes, a deixe vacilante quanto à sua condição feminina. Os questionamentos dela ao longo da trama nos apresentam à uma mulher consciente e dotada de princípios, mas que não consegue se conter diante do amor arrebatador que se instalou ali.
Como não poderia deixar de ser, a autora lança mão de um grande trunfo dentro dos romances policiais. A existência de crimes, suspeitos, investigações e do tão esperado julgamento onde verdades serão reveladas.
Em sua terceira obra a maranhense Ahtange Ferreira demonstra mais uma vez seu interesse em retratar, através de seus personagens, o comportamento humano e suas paixões. São elementos que dão realismo e embasamento para a construção de suas histórias. Estamos diante de mais uma narrativa que reflete, ainda que em partes, um momento íntimo e pessoal experimentado por alguém na vida real. Assim são os livros e suas histórias. Uma forma de nos permitir à imaginação e à reflexão. Uma forma de reiterar, ou desmitificar alguns dos nossos conceitos. Uma forma de nos dizer que, na transitoriedade de todas as situações, personagens somos todos nós.
Boa leitura!

Marcélia Macidália
Revisora

Promoção de lançamento!
1- Blogues parceiros que queiram participar deverão deixar um comentário aqui.
2- Postar em seus blogs lincando para o post original.
3-Curtir a página: https://www.facebook.com/pages/Marcas-Indel%C3%A9veis/200403683382782?ref_type=bookmark.
4- Adicionar no Skoob: http://www.skoob.com.br/livro/380460-clandestino_amor

Assim que estiver no pré-venda iniciaremos um booktour e no final farei o sorteio entre os blogs participantes. Dois exemplares + marcadores e bolsa porta-livros.   
Solicitar as diretrizes no e-mail ahtange@hotmail.com 
Aguardando ansiosa. 


14 comentários :

  1. Caraca esse livro me encantou desde que você passou a divulgar alguns quotes no face amiga. Estou muito ansiosa para conhecer sua nova história. E será seu terceiro livro que vou resenhar.
    Parabéns por mais esta conquista <3
    Beijos.

    http://neivameriele.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Neivinha, acho que vais gostar ficou bem legal mesmo.
    Conto contigo amiga e vais ter uma surprezinha nos agradecimentos rsrrs

    ResponderExcluir
  3. Belíssimo comentário!

    Não tive a oportunidade de ler o seu segundo livro, mas estou ansiosa e preparada para viver grandes emoções com Clandestino Amor.

    Esse sucesso é seu e muitos virão...

    marcialisterios@gmail.com

    Hiper-ultra-super-beijo.

    PS: Não esqueci do nosso abraço na bienal ;)

    ResponderExcluir
  4. Márcia Rios, minha dinda querida.
    Obrigada pelo carinho e por sempre me ouvir quando grito por socorro.
    Bjos!

    ResponderExcluir
  5. Ahhhhhhhh assim eu morro de ansiedade amiga ,3 <3 <3

    ResponderExcluir
  6. Imagina amiga eeuuuuuu?
    Para morrer kkkkk
    Bjos linda!

    ResponderExcluir
  7. http://www.apaixonadaporlivros.blog.br/2014/08/blog-tour-clandestino-amor-athange.html

    ResponderExcluir
  8. Oi, linda!!]

    Li apenas um de seus livros, mas estou super curiosa para ler este aqui também e sei que vou amar.

    Beijos e Sucesso

    ResponderExcluir
  9. Oi Fê, que bom que veio, aposto que irá gostar.
    Obrigada e assim considero renovada a parceria. Me avise quando cumprir as regrinhas e assim que eu tiver o livro em mãos envio para os parceiros.
    Bjos!

    ResponderExcluir
  10. Que resenha sensacional de Marcélia, fiquei com água na boca e me senti um carente, de fato, falta amor e paixão e muitas vidas a minha - infelizmente - não é diferente. Com certeza este livro de Ahtange mostrará muito do que somos ou o que realmente gostaríamos de ser. Esperando desde já pelo lançamento. Boa sorte e sucesso.

    ResponderExcluir
  11. Que resenha sensacional de Marcélia, fiquei com água na boca e me senti um carente, de fato, falta amor e paixão e muitas vidas a minha - infelizmente - não é diferente. Com certeza este livro de Ahtange mostrará muito do que somos ou o que realmente gostaríamos de ser. Esperando desde já pelo lançamento. Boa sorte e sucesso.

    ResponderExcluir
  12. Obrigada Venilton, realmente Marcélia foi perfeita. Estou louca para chegar logo o lançamento.
    Espero que goste realmente.
    Bjinhos seu lindo.

    ResponderExcluir
  13. Oi Ahtange! Obrigada em responder, vou querer participar sim. Beijos e sucesso!
    Rose.

    ResponderExcluir
  14. Fábrica de convites, fico feliz.Obrigada.

    ResponderExcluir

Olá, este é um sonho estou lutando muito para torná-lo uma realidade. Dê sua opinião, critique de forma construtiva.
Obrigada, um abraço indelével.
Carinhosamente Ahtange.